(074) - 988399053

NO AR

Rádio São Francisco FM - 104,9mhz

radiosaofranciscofm.com

Brasil

22 mil perícias foram canceladas durante greve do INSS; saiba como remarcar.

22 mil perícias foram canceladas durante greve do INSS; saiba como remarcar.

Publicada em 24/05/2022 às 07:15h

por Correio da Bahia


Compartilhe
 

Link da Notícia:

 (Foto: Foto: Divulgação)

Os médicos peritos do INSS retomaram nesta segunda-feira as atividades após 52 dias de greve em todo o país. Na Bahia, cerca de 22 mil consultas de perícia terão que ser reagendadas após a paralisação. Os pacientes precisam entrar em contato com o órgão para remarcar através do telefone 135 ou do aplicativo e site Meu INSS. Os profissionais prometeram fazer mutirões para atender a demanda reprimida.

A greve começou pela reivindicação de melhores condições de trabalho, reajuste salarial e sobrecarga por conta da defasagem no quadro de servidores. Na semana passada, a categoria conseguiu fechar um acordo com o Ministério do Trabalho e Previdência. Segundo Rosileide Tavares, coordenadora da Perícia Região Nordeste e representante da Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais (ANMP), os resultados da greve foram satisfatórios para a categoria.

“Ainda não foi concedido reajuste, a gente fez um acordo de greve, porque o reajuste depende do Ministério da Economia. No documento, ficou acordado que se o governo for conceder 5% de reajuste para todas as categorias, nós também vamos aceitar. Mas se o governo resolver diferenciar as categorias, vamos querer o reajuste da inflação, que é 19,9%”, explicou. 

De acordo com a associação, atualmente o Brasil tem um déficit de 3 mil peritos médicos e o Ministério se comprometeu a fazer novo concurso para preencher as vagas. No estado, os profissionais atuam em 140 postos e agências do INSS.

A reposição dos atendimentos deverá ocorrer de forma presencial, exceto nos casos em que isso não seja possível. O governo concordou em devolver os valores cortados dos contracheques durante a greve de forma integral, desde que os médicos cumpram a meta de atender a demanda reprimida nos próximos oito meses. 

O Ministério do Trabalho e Previdência divulgou uma nota, na semana passada, informando sobre o fim da greve. Ficou definido que cada perito poderá realizar, no máximo, 12 atendimentos diários (ordinários) e que eles receberão R$ 61,72 por perícia extraordinária, que exceda essa quantidade máxima de atendimentos por dia.

A perícia médica é exigida para todos aqueles que desejam dar entrada no auxílio-acidente, auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença), e aposentadoria por incapacidade permanente (antiga aposentadoria por invalidez). A avaliação é obrigatória também para a concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC), aposentadoria da pessoa com deficiência e aposentadoria especial.

 




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Enquete
Quais Redes Sociais Você Usa Mais??

 Facebook
 Instagram
 Twitter
 Youtube







.

LIGUE E PARTICIPE

(074) - 988399053

Usuários Online: 26
Copyright (c) 2022 - Rádio São Francisco FM - 104,9mhz - Radio São Francisco FM 104,9